Estilo de vida

Paz interior: 4 lugares para ir e encontrar

Qual é seu objetivo quando você planeja uma viagem? Muitos adoram conhecer cidades e culturas novas. Outros buscam agito e curtição. Agora se você procura locais tranquilos para relaxar e achar paz interior, este texto é para você.

Embora paz interior possa ser um conceito vago, não há como negar que os lugares que selecionamos são capazes de oferecer quietude e reflexão a quem os visita. Ou seja, quer colocar os pensamentos em ordem e renovar os ânimos? Então faça as malas e venha com a gente.

paz interior - chapada dos veadeiros

1. Chapada dos Veadeiros, Goiás

Localizada na Região Centro-Oeste do Brasil, a Chapada dos Veadeiros é uma das mais conhecidas “chapadas” do país. Se você é fã de cachoeiras e pretende se conectar com a natureza, este é o destino perfeito para você. 

O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é Patrimônio Mundial tombado pela Unesco e foi criado em 1961. Atualmente abriga cerca de 1.400 espécies de plantas e 50 espécies raras de animais. Além do próprio parque, existem diversos outros atrativos naturais na região para conhecer. 

Por isso, pesquise antes de ir e escolha os seus passeios preferidos. Entre eles, se destacam o Vale da Lua, a Cachoeira Santa Bárbara, a Cachoeira do Segredo e a Catarata dos Couros. Em resumo, independente das suas escolhas, você com certeza encontrará paz e tranquilidade, além de paisagem deslumbrantes.

Onde fica?

O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros fica a 230 quilômetros de Brasília. Uma das formas mais fáceis de chegar até São Jorge, onde está a entrada do parque, é alugar um carro na capital federal e dirigir até lá. Além disso, Alto Paraíso de Goiás e Cavalcante, municípios próximos ao parque, também são opções de hospedagem.

paz interior - são miguel do gostoso

2. São Miguel do Gostoso, Rio Grande do Norte

Prefere praia em vez de campo? Sem problemas. São Miguel do Gostoso é um ótimo exemplo de praia paradisíaca que ainda conserva um jeito de vila de pescador. A cerca de 110 quilômetros de Natal, a cidade está onde “o Brasil faz a curva”. Coincidência ou não, a região é famosa pelos ventos fortes, que favorecem a prática de esportes como windsurf e kitesurf. 

No entanto, São Miguel do Gostoso cativa mesmo quem não é adepto dos esportes aquáticos. As praias praticamente desertas e a quase ausência de chuvas são um convite para longas caminhadas na areia apreciando a brisa do mar e os diversos tons de azul do mar. Quer mais paz interior que isso? Aliás, para quem gosta de um pouco de aventura, os passeios de buggy ao final da tarde são uma excelente pedida!

Aonde mais ir?

Quando for, aproveite para conhecer também a Praia de Galinhos, considerada a mais exótica do Rio Grande do Norte, e as piscinas naturais de Perobas, para apreciar de pertinho a vida marinha. A viagem de carro a partir de Natal até São Miguel do Gostoso não dura mais que 1h30.

paz interior - deserto do atacama

3. Deserto do Atacama, Chile

Nosso vizinho da América do Sul possui o deserto mais árido do mundo, o Atacama. Muito além disso, a região conta com paisagens de tirar o fôlego que parecem pertencer a outro planeta. Sem dúvida, a grande diversidade de cenários é o maior destaque. Imagine encontrar lagos salgados, vulcão, gêiseres e deserto de sal, tudo na mesma viagem?

Com toda certeza, a impressão de ser apenas um grãozinho de areia frente à imensidão da natureza será um sentimento comum. Apesar de ser relativamente famoso entre viajantes do mundo inteiro, o Atacama é uma região grande e dificilmente os passeios são realizados por muitos turistas ao mesmo tempo.

Como chegar?

A cidade mais próxima ao deserto é São Pedro de Atacama, onde sugerimos que você se hospede. Há opções para todos os gostos e bolsos. Para chegar até lá, contrate um transfer no aeroporto de Calama, aonde você chega após um voo de 2 horas de Santiago, a capital chilena.

paz interior - Islândia

4. Islândia

Já pensou em se aventurar por um dos países mais isolados do mundo e conhecer a Islândia? Então vista um casaco e se apaixone por essa ilha próxima ao Círculo Polar Ártico que tem muito a oferecer.

Primeiramente, a natureza é exuberante e muito diferente do que temos no Brasil. Um dos maiores atrativos é a Lagoa Azul, cujas fontes termais vêm de uma usina geotérmica. Portanto relaxe e aproveite a temperatura de 40 graus da água, mesmo com temperatura negativa fora dela.

Além disso, outro ponto alto é o Círculo Dourado, um parque nacional a cerca de 50 quilômetros da capital Reykjavik. Gêiseres, cachoeiras e até a cratera de um vulcão fazem parte da paisagem incrível o ano todo: verde durante o verão e branca por conta da neve no inverno. Em suma, um cenário fantástico para conhecer melhor a si mesma e encontrar sua paz interior.

É muito difícil de chegar?

Embora pareça um destino longe de nós, é incrivelmente fácil chegar ao aeroporto de Reykjavik, o maior da Islândia. Basta embarcar em um avião do Brasil até Londres, na Inglaterra e na sequência pegar um dos vários voos que conectam as duas cidades europeias.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *